A famosa semana 12.

10 abr

O USG de hoje foi uma delícia. Começamos impressionados com o tamanho do bebê, 6,6cm. Sei que parece pouco, mas a gente acostuma a ficar decifrando aquela sementinha e a cada USG, ele está com o dobro do tamanho. Nesse, estava tudo bem visível e o bebê não parava de se mexer, uma delicinha! Coraçãozinho batendo normal, fluxo sanguíneo normal, medida da nuca normal (ela pega síndrome de Down e outras anomalias), tudo normal. Vimos tudo: Narizinho, queixo, dedinhos dos pés e das mãos, bracinhos, pernas, bumbum (magrelo), barriguinha. Vimos até a coluna vertebral (impressionante). Depois ele deu o palpite do sexo, que eu ainda não vou divulgar. Segundo ele, são 70% de chance, e eu achei melhor esperar o próximo USG, que será dia 21 para confirmar e aí sim, contar pras pessoas. 

Quanto ao descolamento, não tem mais. Nadica de nada. Sensação de alívio muito forte, e de que eu, de certa forma, fui ativa nesse momento. Acredito que a postura da minha médica e o meu repouso foram fundamentais para que esse descolamento sumisse, deixando aqui dentro apenas um bebê muito lindo, e muito amor. Agora é correr atrás das coisas da faculdade, buscar resolver os problemas de ordem prática que surgiram durante esse período de repouso e o mais importante: Curtir a minha gravidez!

 

Depois de passar por um aborto espontâneo, e de esperar 1 ano até engravidar, a gente sente uma impotência muito grande. Essa sensação de não podermos controlar nem quando virão os nossos filhos é muito estranha. Ao mesmo tempo, aprendi muito durante esse período. Me interessei mais e mais pela maternidade, pesquisei, conversei. Aí você chega naquela máxima de que até 12 semanas, todo cuidado é pouco e que, quando completas, é sinal de que o bebê “vingou”. Ontem eu completei 12 semanas, com muito orgulho e esperança. Hoje, ao fazer os exames, pude respirar fundo e pensar: “Meu bebê vingou.” E isso, essa frase estranha, com essa palavra que eu nem acho a mais bonita ou adequada (“vingou”), é a frase mais gostosa de se pensar no mundo. Bom, pelo menos no meu mundo.

E é nessa semana também que passam os enjôos. E realmente, eles estão bem melhores. Ainda com um pouco de falta de apetite pra ser sincera, e o estômago sempre incomodando um pouco, mas tudo bem. Acredito que assim que eu entrar em um ritmo normal, essa coisa toda do apetite melhora! Oremos.

E apesar de tudo, do nó na garganta, do medo, do repouso, dos enjôos, das minhas chatices… essas foram, sem dúvida, as melhores 12 semanas da minha vida!

Boa semana pra vocês!

Anúncios

2 Respostas to “A famosa semana 12.”

  1. juliana vitória 12 de julho de 2012 às 07:29 #

    nossa que bom ler essa publicação!! Estou contando os dias pra completar doze semanas… Estou com descolamento desde a sexta semana, ele diminuiu mas não sumiu… Com doze semanas será a próxima usg! Deus abençoe!

    • Laís F 18 de julho de 2012 às 02:12 #

      Boa sorte!! As 12 semanas são inesquecíveis!!

Comentar:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: